Educação Infantil: 4 melhores dicas de letramento matemático

A Matemática sempre foi vista como uma das disciplinas mais difíceis de aprender. A razão pela qual muitas pessoas enxergam a disciplina desse modo é porque, há muito tempo, seu conteúdo é ensinado de uma forma que não atrai o interesse dos estudantes. No entanto, há muitas maneiras interessantes de aplicar o letramento matemático na Educação Infantil.

Alguns alunos questionam a aplicação da matemática na vida diária e na idade adulta. Isso porque o método de ensino tradicional não relaciona a disciplina com a vida real. Quando conseguimos aplicá-la às situações cotidianas, a oportunidade de desvendar o mistério do assunto e até mesmo estimular seu real interesse pode tornar o aprendizado mais fácil, natural e intuitivo.

Veja a seguir as dicas que separamos de como aprimorar o ensino em Matemática para as crianças!

1. Ensinar com jogos de tabuleiro

Para as crianças de décadas atrás, era comum encontrar diversão nos jogos de tabuleiro, que inspiravam a habilidade de raciocínio lógico de uma forma fácil e eficaz. No entanto, muitas pessoas ainda ignoram a importância desses jogos para o ensino de Matemática e desenvolvimento da criança.

Partindo dos brinquedos e jogos tradicionais, os destaque estão para as Damas, o Jogo da Velha e o Xadrez, que contribuem para o desenvolvimento de habilidades como estratégia e lógica — efetivamente o pensamento analítico, o conceito de tempo, a concentração e a paciência.

Também vale ressaltar a importância dos jogos de tabuleiro, que permitem explorar o labirinto, descobrir tesouros escondidos e ensinar às crianças alguns conceitos, como tamanho, geometria, ordem, espaço e conceitos de contagem.

Existem jogos que podem desenvolver conceitos mais avançados, como Banco Imobiliário e Imagem e Ação. O primeiro ensina Matemática por meio do gerenciamento de valores e o segundo ajuda a melhorar a memória e a velocidade de ação.

Muitas das coisas que as crianças aprendem nesses jogos podem ser vistas no conteúdo abordado na sala de aula e nos testes escolares. A diferença é que, assim como nos jogos, os conceitos são construídos de forma divertida e fácil, o aprendizado é automático e mais interessante.

2. Propor desafios no cotidiano

Um ponto-chave no letramento matemático é transpor o conteúdo para a realidade. As pessoas sabem que a Matemática existe em suas vidas, mas ainda ignoram o fato de que a sua aplicação envolve decisões que promovem o desenvolvimento social.

O que você vivencia todos os dias traz muita experiência e também traz um bom aprendizado. Para o ensino de Matemática infantil, os desafios da vida cotidiana podem se tornar uma grande oportunidade de propor atividades para crianças de 0 a 3 anos, a fim de que elas passem a gostar da matéria.

Uma boa maneira de praticar Matemática na vida real é no momento de fazer compras em um supermercado. Mostre às crianças a diferença de valor entre vários produtos, permitindo-lhes calcular a soma ou diferença e pesar os itens.

Outra atividade que incentiva o aprendizado prático em Matemática é preparar receitas na cozinha. Por meio dessa atividade, as crianças podem dominar o conhecimento sobre as proporções de ingredientes quando precisam cortar os alimentos em pedaços pequenos. A vivência dessas atividades é muito importante e trará bons resultados na sala de aula.

3. Incentivar a prática de esportes

No esporte, existem muitas situações envolvendo operações matemáticas. Quer seja um esporte individual ou em grupo, todos apresentam elementos das áreas exatas, como distribuição de pontos, cálculo geométrico, probabilidade e estatística. A tabela de pontuação é usada para ensinar operações básicas quando problemas de contagem estão envolvidos.

A natação — excelente atividade para crianças de 4 a 5 anos — é um esporte que traz muito aprendizado de Matemática. Para nadar 100 metros em uma piscina, o estudante precisa conhecer o mínimo de aritmética. Por exemplo: quantas braçadas serão necessárias até o final do percurso ou quantas vezes será preciso respirar a cada trecho? Estas são algumas técnicas para usar a Matemática nos esportes.

4. Usar aplicativos de ensino de Matemática

Hoje em dia, os aplicativos passaram a fazer parte da vida das pessoas, até mesmo das crianças. Podemos ver um grande número delas segurando telefones celulares para se divertir, enquanto navegam no mundo tecnológico.

Os pais, na maioria das vezes, se preocupam com o fato de seus filhos passarem muito tempo diante de aparelhos eletrônicos e se perguntam os prós e os contras desta era tecnológica.

No entanto, as crianças podem usar esse interesse para absorver conhecimento. Assim, você pode ensinar Matemática a seu filho por meio de jogos interativos. Para ajudar neste tipo de aprendizagem na era digital, existem alguns aplicativos educacionais para crianças de diferentes idades.

Um deles é o Math is Fun, um app para crianças pequenas que ensina os conceitos básicos da Matemática, como contar e ordenar números.

Para pré-escolares, a técnica é o eQubes, cujo objetivo é encontrar as equações escondidas no mosaico. Este é um jogo de equações que precisa ser resolvido na hora. A vantagem deste aplicativo é que ele se desenvolve conforme as crianças crescem e aprendem, com fases cada vez mais difíceis.

As dificuldades do letramento matemático na Educação Infantil está relacionada aos seus métodos de ensino. Como você pode perceber, o segredo é conectar esse tipo de ensino com o dia a dia das crianças. Além disso, os pais também precisam fazer parte desse aprendizado, a fim de garantir que ele aconteça eficientemente.

Caso você esteja em busca de um colégio em Fortaleza que se dedique ao ensino da Matemática ligado à vida cotidiana dos seus alunos — onde as aulas práticas e de campo facilitam o aprendizado a partir de vivências — , o Colégio Universo é a melhor opção.

Compartilhe esse conteúdo:

Menu